Arquivos Mensais: Julho 2010

Na hora certa

  Certa vez ouvi uma história contada por um velho amigo que gostava de fazer passeios de barco. Ele estava em um de seus passeios e ao caminhar pelo navio, viu um dos membros da tripulação escalando as cordas, indo … Continuar a ler

| Publicar um comentário

A Opção ideal

Narra uma lenda que um príncipe poderoso caiu em mãos inimigas que decidiram tirar-lhe a vida, condenando-o à forca. Dada sua linhagem nobre, o rei dos inimigos lhe propôs um acordo. Se ele conseguisse decifrar um certo enigma, sua vida … Continuar a ler

| Publicar um comentário

A Estrelinha

  Haviam milhões de estrelas no céu. Estrelas de todas as cores: brancas, prateadas, verdes, douradas, vermelhas e azuis. Um dia, elas procuraram Deus e lhe disseram: – Senhor Deus, gostaríamos de viver na Terra entre os homens. – Assim … Continuar a ler

| Publicar um comentário

O poder da doçura

  O viajante caminhava pela estrada, quando observou o pequeno rio que começava tímido por entre as pedras. Foi seguindo-o por muito tempo. Aos poucos ele foi tomando volume e se tornando um rio maior. O viajante continuou a segui-lo. … Continuar a ler

| Publicar um comentário

Que diferença faz uma estação!

Um homem tinha quatro filhos. Ele queria que seus filhos aprendessem a não julgar as coisas de modo apressado, por isso, ele mandou cada um em uma viagem, para observar uma pereira que estava plantada em um distante local. O … Continuar a ler

| Publicar um comentário

Jasmine

Em 2003, a policia de Warwckshire, Inglaterra, abriu um galpão de um jardim e  encontrou ali um cão choroso e encolhido. Ele havia sido trancado e abandonado  no galpão. Estava sujo, desnutrido e claramente maltratado. Num ato de bondade, a … Continuar a ler

| Publicar um comentário

A CARIDADE NO BANCO DOS RÉUS

  – Mande entrar a ré! – ordenou o juiz. O tribunal estava montado. A mulher, com passos tímidos, avançou e acomodou-se no banco dos réus . O advogado da acusação estava preparado; as perguntas, direcionadas à ré, fizeram-se ouvir … Continuar a ler

| Publicar um comentário