Arquivos Mensais: Setembro 2011

Ser feliz

Havia uma garotinha que gostava de passear pelos jardins, quando um dia vê uma borboleta espetada em um espinho. Muito cuidadosamente ela a soltou e a borboleta começou a voar para longe. Mas…de repente, ela volta e lhe diz: – … Continuar a ler

| Publicar um comentário

Duas casas

Por muitos anos uma senhora em nossa vizinhança foi notada por seu belo jardim de tulipas. Passar por aquela exposição colorida fazia o coração cantar; seu jardim era um grande representante da beleza da Terra. Ao lado de sua casa … Continuar a ler

| Publicar um comentário

Um quilo de paz

Sentado numa poltrona, em frente à TV, estava Washington. Até que: plic! – Não agüento mais jogar videogame! Todos os dias, a mesma coisa! Washington é um garoto de 12 anos e mora em São Paulo. Filho de uma família … Continuar a ler

| Publicar um comentário

Não se deixe soterrar

Conta-se que um fazendeiro, que lutava com muitas dificuldades, possuía alguns cavalos para ajudar no trabalho de sua pequena fazenda. Um dia, o capataz lhe trouxe a notícia que um de seus cavalos havia caído num velho poço abandonado. O … Continuar a ler

| Publicar um comentário

Sempre resta alguma coisa para amar

A peça de teatro intitulada “Raisin in the sun”, de Lorraine Hansberry, traz um trecho realmente admirável, que convida o público a refletir sobre os valores que guardam suas almas. Na peça, uma família afro-americana recebe dez mil dólares provenientes … Continuar a ler

| Publicar um comentário

Não perdoar…

O homem aproximou-se do espinheiro. Ergueu a mão para tocá-lo e um “ai!” de dor brotou de seus lábios. Um rubi de sangue brilhou no seu dedo. O homem limpou o sangue e disse fitando o espinheiro: – Eu te … Continuar a ler

| Publicar um comentário

O cochicho de Deus

O jovem tinha perdido o emprego e estava meio perdido. Ficou sabendo de um velho senhor dito como muito sábio por suas palavras sempre conscientes. Então resolveu ir encontrar-se com o velho senhor. Ao encontrá-lo, o jovem cerrou os punhos … Continuar a ler

| Publicar um comentário